Combatente da Segunda Guerra Mundial é homenageado pela PMpr

O sargento mora na capital paranaense

O sargento Modesto Mariano de Brito  foi homenageado pela Academia Polícia Militar do Guatupê (APMG) e pelo Exército Brasileiro. Seguindo todos os protocolos de segurança, um pequeno grupo de militares foi até a casa, cantou parabéns e entregou uma medalha em homenagem pela história de vida.

Mesmo em uma cadeira de rodas, o sargento Brito recebeu os militares para uma rápida solenidade, onde foi agraciado com a medalha de 50 anos da APMG. “Tudo isso foi muito emocionante, ter no meu aniversário de 98 anos a minha família e meus colegas do Exército Brasileiro e da Polícia Militar do Paraná”, disse.

O aniversário foi organizado por uma das netas, Edineia de Brito, que contou que na semana passada a família perdeu o último irmão do sargento Brito, que faleceu dormindo em casa. “Por causa da morte do meu tio, a princípio nós resolvemos que não iríamos fazer nenhuma comemoração, mas ao mesmo tempo percebemos que ele já está fazendo 98 anos e pode ser que no ano que vem ele não esteja mais conosco”, explicou.

“A partir disso nós organizamos uma pequena comemoração, apenas para não passar em branco e entramos em contato com a Casa do Expedicionário, aonde por muitos anos foi a segunda casa dele, para fazer essa homenagem, que, juntamente com a Polícia Militar, fizeram o dia dele mais feliz”, disse Edinéia.

O capitão Rodrigo Mariano de Brito é oficial de planejamento da APMG e parente do sargento (o avô do capitão foi cabo da PM e é primo do sargento Brito) e além de fazer a entrega da Medalha de 50 anos da APMG, também deu um boné da Polícia Militar do Paraná. “Ter alguém assim na família é um orgulho, para mim como policial militar é um sentimento muito forte, pois eles são os verdadeiros heróis brasileiros. Ter ele em vida é um motivo de grande festa e fazer essas homenagens é o mínimo frente a história de vida dele”, disse.

Após viver os horrores de uma guerra sangrenta na Europa como enfermeiro da Força Expedicionária Brasileira (FEB) durante a 2ª Guerra Mundial, o sargento Brito retornou ao Brasil ao final da guerra e ingressou na Polícia Militar do Paraná em 1948. Depois de ajudar a salvar dezenas de vidas nos campos de batalha, ele continuou a cuidar dos feridos ao servir no Hospital da Corporação.

O Comandante da 5ª Região Militar, General de Brigada Ronaldo Morais Brancalione, entregou uma moeda alusiva à 5ª RM e um certificado pelos feitos de coragem durante a 2ª Guerra Mundial.

Com PM Paraná

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: