Sanepar revitaliza margens do Rio Juvevê com obra de paisagismo

Dragagem e o desassoreamento retiraram da água material sedimentado e entulhos

Uma nova paisagem começa a se desenhar às margens do único trecho aberto dos Rios Juvevê e Cajuru, no bairro Rebouças, próximo ao Estádio Durival de Britto e Silva, em Curitiba. As obras de revitalização daquele espaço estão sendo executadas pela Sanepar, com apoio da Prefeitura de Curitiba.

A dragagem e o desassoreamento com escavadeira hidráulica retiraram da água material sedimentado e entulhos, permitindo um melhor fluxo dos Rios Juvevê e Cajuru. Os taludes foram limpos, nivelados e readequados.

O mato alto foi roçado, e as árvores exóticas invasoras cederam lugar para o plantio de espécies nativas de pequeno, médio e grande portes e de grama, ao longo das margens dos rios e em seu entorno. Essa intervenção recompôs um ambiente natural integrado à malha urbana.

O concreto do entorno ganhou cores numa grafitti, feita pelos artistas Ferge e May, que pintaram figuras relacionadas à história local, aos mananciais, aos caminhos percorridos para que a água potável chegue à população e à importância do ambiente natural e da sua integração com o meio urbano. Também foram pintados a passarela de madeira para pedestres sobre o Rio Juvevê e o guarda-corpo no cruzamento com a Rua Engenheiro Rebouças.

“É um trabalho de recuperação dessa área para que seja um espaço de uso compartilhado, com árvores, na forma de um bosque. É uma ressignificação urbanística e ambiental, que gera valor para a sociedade”, afirma o diretor de Meio Ambiente e Ação Social da Sanepar, Julio Gonchorosky.

A área revitalizada tem 6.500 metros quadrados, e o trecho dos rios é de 260 metros. Estão em execução novos passeios compartilhados nas margens dos Rios Juvevê e Cajuru, interligando-os com ciclovia, ruas e passeios já existentes. A ação faz parte do acordo judicial feito pela Sanepar com a 11.ª Vara Federal em Curitiba.

Com Agência Brasil 

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: