Paraná distribui mais 205 mil vacinas contra a Covid-19

Os imunizantes integram o 14º lote encaminhado pelo Ministério da Saúde

O Governo do Estado começou a distribuir sexta-feira (23) para as 22 Regionais de Saúde do Paraná mais 205.130 doses da vacina contra a Covid-19. Os imunizantes integram o 14º lote encaminhado pelo Ministério da Saúde, composto por 166.000 doses da Covishield, produzida pela Universidade de Oxford/AstraZeneca/Fiocruz, e 39.130 doses da CoronaVac, desenvolvida pelo Instituto Butantan/Sinovac.

Pela estratificação da nova remessa, o Estado dará prosseguimento na vacinação dos grupos prioritários elencados no Plano Estadual de Vacinação. São 149.459 primeiras doses (72% do total) e 35.149 segundas doses, além da reserva técnica indicada pelo Ministério.

As doses da AstraZeneca estão indicadas para aplicação em idosos de 60 a 64 anos, correspondentes a 26% do público estimado – são 149.393 vacinas. É parte de um lote de 2.808.000 de imunizantes Covishield que será distribuído pelo Ministério da Saúde.

As do Butantan estão divididas em 62 primeiras doses para forças de segurança pública e salvamento (incluindo as Forças Armadas), 4.780 segundas doses para trabalhadores da segurança pública/salvamento/Forças Armadas e 34.350 segundas doses para idosos de 65 anos, referentes aos reforços das remessas 11 e 12. É parte de um lote de 700.000 doses a ser distribuído para todo o País.

As doses foram distribuídas por via terrestre para 11 regionais: Paranaguá, Metropolitana, Ponta Grossa, Irati, Guarapuava, União da Vitória, Pato Branco, Francisco Beltrão, Londrina, Telêmaco Borba e Ivaiporã. Por avião, foram enviadas para os demais núcleos: Foz do Iguaçu, Cascavel, Campo Mourão, Umuarama, Cianorte, Paranavaí, Maringá, Apucarana, Cornélio Procópio, Jacarezinho e Toledo.

O governador Carlos Massa Ratinho Junior participou da recepção das vacinas em Umuarama, logo após o evento que confirmou o início das obras de modernização do Trevo Gauchão. A 12ª Regional recebeu 5.445 doses.

“O secretário Beto Preto está percorrendo municípios do Interior nessa semana para reforçar o apoio do Estado na vacinação contra a Covid-19 e a gripe. Estamos empenhados em acelerar esse processo para minimizar os riscos de adoecimento para os paranaenses”, destacou.

VACINAÇÃO – Até as 13h59 desta sexta-feira (23), 1.527.486 paranaenses haviam recebido pelo menos a primeira dose dos imunizantes. O número corresponde a 32,9% dos integrantes dos grupos prioritários e a 14,62% da população total do Estado.

Das primeiras doses já distribuídas, 92,6% foram aplicadas. Das segundas doses, a taxa de aplicação está em 57,9% (666.966), uma vez que requerem um intervalo entre as doses, de 14 a 28 dias para a Coronavac e de 12 semanas para a Covishield.

A expectativa da Secretaria estadual da Saúde é de vacinar, até o fim de maio, todos os 4.635.123 paranaenses incluídos nos grupos prioritários.

INFLUENZA – Além das vacinas para a prevenção do coronavírus, as Regionais receberam também imunizantes para o combate à Influenza. São 238.400 doses referentes à terceira remessa enviada pelo Ministério da Saúde. O Paraná soma até o momento 903.200 aplicações. A vacina da gripe funciona em dose única, sem precisar de reforço. A primeira fase da vacinação, que vai até 10 de maio, inclui crianças de seis meses a menores de seis anos (cinco anos, 11 meses e 29 dias), trabalhadores de saúde, indígenas, gestantes e puérperas.

MEDICAMENTOS – Também foram enviadas 205.244 unidades de medicamentos referentes ao kit intubação, utilizados em pacientes com quadros graves de Covid-19. Entre os produtos estão bloqueadores, sedativos e analgésicos. O quantitativo conta com remédios encaminhados pelo governo federal e também com compras próprias da Secretaria de Estado da Saúde.

Do material direcionado pelo Ministério, uma parte representa doações de um grupo de empresas formado por Petrobras, Vale, Engie, Itaú Unibanco, Klabin e Raízen.

Com AEN 

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: