Veja atletas londrinenses que disputarão as Olimpíadas de Tóquio

Com participação nos Jogos Olímpicos e Paralímpicos, estarão dois atletas e um técnico, todos de equipes beneficiadas pelo Feipe

Dois atletas e um técnico patrocinados pela Prefeitura de Londrina estarão nos Jogos Olímpicos e Paralímpicos de Tóquio. Nas Olimpíadas, que terão a cerimônia de abertura nesta sexta-feira (23), participam Tatiane Raquel da Silva, atletismo, e o técnico Giancarlos Ramirez, com a seleção de handebol. E Giovane Vieira de Paula, da paracanoagem, vai competir nas Paralimpíadas, que começam em 24 de agosto.

Todos esses esportistas integram equipes beneficiadas pelo Fundo Especial de Incentivo aos Projetos Esportivos (Feipe), da Fundação de Esportes de Londrina. Os recursos são investidos em diversas modalidades esportivas, desde formação de novos talentos a atletas de alto rendimento.

Tatiane Raquel Silva irá disputar os 3.000 metros com obstáculos. Nessa prova, ela é bicampeã Sul-Americana adulto e octacampeã Brasileira. Giancarlos Ramirez treina a equipe de Londrina no handebol, e nas Olimpíadas de Tóquio compõe a comissão técnica da seleção masculina, como auxiliar técnico. Nos Jogos Paralímpicos, Giovane Vieira de Paula vai competir nas categorias KL3 (com caiaque) e na categoria VL3 (com canoa).

Nos últimos quatro anos, cerca de R$18 milhões foram investidos em projetos esportivos pela Prefeitura, por meio do Feipe. Um levantamento da Fel mostrou crescimento de 260% no período, já que em 2016 foram investidos R$1,5 milhões e, em 2020, foram R$5,4 milhões.

“Só o Feipe não é suficiente, pois ser um atleta de alto rendimento é muito caro. São muitos gastos, e o Feipe é uma peça dentre as muitas necessárias. Sem contar que você precisa abrir mão de muitas coisas para focar nos treinos, nas disputas, e viver em busca de um objetivo, que é atingir o ápice enquanto atleta”, detalhou.

Oguido, que atuou como técnico, lembrou também o quão emocionante é conseguir participar das Olimpíadas e Paralimpíadas. “É uma conquista gigantesca, que a gente não consegue mensurar.  Nossa cidade ter três representantes lá mostra que o apoio da Prefeitura, viabilizado pelo prefeito Marcelo Belinati por meio do Feipe, é importante”, disse.

Além dos atletas que estão em Tóquio ou a caminho, vários outros são apoiados pelo Feipe e teriam condições de chegar nas competições olímpicas. “Temos grandes nomes na ginástica rítmica, caratê, taekwondo, canoagem e judô, entre outras modalidades esportivas. Londrina é um celeiro de atletas com potencial muito grande”, complementou.

O presidente da FEL, Marcelo Oguido, destacou que o Feipe é um incentivo que contribui para que os atletas e paratletas participem de torneios e competições, viabilizando a experiência e contagem de pontos para os rankings de classificação.

Com N.Com 

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: