Paraná ganha programa para fomentar cultivo de cereais de inverno

O programa Cereais de Inverno e Segunda Safra vai incentivar, por meio de pesquisa e extensão rural, o plantio de culturas como trigo, triticale, centeio e aveia. O lançamento aconteceu nesta quarta-feira (01), na abertura do 2º Show Rural Coopavel de Inverno, em Cascavel.

O Paraná conta com uma nova iniciativa para fomentar o cultivo de cereais de inverno – o programa Cereais de Inverno e Segunda Safra, que vai incentivar, por meio de pesquisa e extensão rural, o plantio de culturas como trigo, triticale, centeio e aveia. O lançamento aconteceu nesta quarta-feira (01), na abertura do 2º Show Rural Coopavel de Inverno, em Cascavel.

As ações terão apoio do Governo do Estado, por meio da Secretaria da Agricultura e do Abastecimento e do Instituto de Desenvolvimento Rural do Paraná Iapar-Emater (IDR-Paraná), em parceria com entidades como o Sindicato das Indústrias de Produtos Avícolas do Estado do Paraná (Sindiavipar), Federação da Agricultura do Estado do Paraná (Faep) e Sindicato e Organização das Cooperativas do Estado do Paraná (Ocepar).

​De acordo com a diretora de Pesquisa do IDR-Paraná, Vânia Cirino, o governo estadual integra um grupo de trabalho para atuar no programa. Entre os fatores que levaram ao desenvolvimento do Cereais de Inverno e Segunda Safra estão a ociosidade dos moinhos, a dependência da importação de trigo para suprir a demanda paranaense, que chega a 11, 8 milhões de toneladas, e a busca por um manejo mais adequado das culturas de inverno. “Nós podemos dobrar a nossa produção”, afirma.

Segundo o Departamento de Economia Rural (Deral), para esta safra está previsto um volume de 3,7 milhões de toneladas de trigo em uma área de 1,21 milhão de hectares. O Estado lidera a produção no cereal no ranking brasileiro.

“O Paraná tem ciência, conhecimento e materiais que nos permitem apoiar as culturas de inverno, reduzir nossa dependência de importação, reduzir os custos e aumentar a renda”, explicou o secretário estadual da Agricultura e do Abastecimento, Norberto Ortigara.

O presidente do Sistema Ocepar, José Roberto Ricken, destacou o esforço conjunto para promover o crescimento dessas culturas. “Toda vez em que a gente se reúne com o mesmo objetivo, de forma articulada, a gente consegue resultado. Esse é o momento de planejar, analisar as estratégias que estamos usando”, disse.

O diretor-presidente da Coopavel, Dilvo Grolli, anunciou que a cooperativa também trabalha em um projeto para expansão da produção de trigo nos próximos anos.

EVENTO – O Show Rural Coopavel Edição de Inverno segue até esta sexta-feira (03). Produtores rurais poderão participar da etapa presencial das atividades, visitando as estações pela manhã e à tarde.

O IDR-Paraná é parceiro da Coopavel e neste ano leva ao público as melhores opções tecnológicas para o cultivo de trigo, triticale, aveia granífera, aveia forrageira, além de práticas de manejo e conservação de solo. Parte da programação fica disponível online, no link www.youtube.com/showruralagr.

PRESENÇAS – Também participaram da abertura do evento o presidente do Sindiavipar, Irineo da Costa Rodrigues, o prefeito de Cascavel, Leonaldo Paranhos, e o presidente do Sindicato Rural de Cascavel, Paulo Roberto Orso.

Com: AEN – Imagem: SEAB

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: